"O ontem não existe mais. O amanhã ainda não existe. Você só tem o hoje. Este é o dia em que Deus age." (Max Lucado)
{/ }
"Viver é simples. Deve ser isso que nos assusta tanto. Muitas vezes fico olhando para o nada, perdida em questionamentos, vivências, flashes do futuro. Por que a gente sofre tanto? Por que a gente se cobra tanto? Por que nos enredamos em fios de temores, culpas e perdas? Viver é simples, insisto. Basta um dia de sol, uma boa música, um gole do vinho preferido, o calor do abraço de uma pessoa que te ama, acordar todo dia de manhã e ver que a vida continua lá fora te esperando." — Clarissa Corrêa.
"A gente complica demais a vida com as pequenas preocupações. A preocupação gera ansiedade, a ansiedade gera sofrimento, o sofrimento gera sentimento ruim e negativo, o sentimento ruim e negativo gera dor, a dor gera lágrima, a lágrima gera melancolia, a melancolia gera tristeza, a tristeza gera solidão, a solidão gera ferida, a ferida gera cicatriz, a cicatriz gera mágoa, a mágoa gera um buraco escuro dentro da alma. É um ciclo sem fim e só quem pode cortá-lo é você mesmo.
Ninguém disse que é fácil romper ciclos e fazer mudanças definitivas. O processo é longo, o trabalho é árduo e muitas vezes doloroso. Você está condicionado a agir de uma determinada forma durante um determinado tempo. Não é simples pegar uma tesoura e cortar todos os males e medos pela raiz. Se assim fosse os divãs não estariam sendo disputados a tapa.
Temos que aprender que a vida é para ser simples e boa. Sem tanto rancor, sem tanta revolta, sem tanta disputa. Há muito para conhecer, há tanto para aprender, há inúmeras formas de trocar um pensamento ruim por um bom. Quando algo que você não quer surgir na sua mente modifique na hora esse pensamento. Não dê corda, trela ou faça sala para ele, senão você sabe: ele chama toda a família para passar uma temporada na sua cabeça. E ninguém precisa conviver com um time de antipáticos fazendo farra, falando alto e tirando o seu sossego.
Só porque uma coisa não aconteceu da forma que você queria não quer dizer que ela não seja positiva e traga bons ensinamentos. A gente aprende com tudo que acontece, por mais que agora você acredite que esse perrengue todo é terrível, que você está sofrendo por demais, que sua vida está um lixo. Espere, respire, inspire, transpire, faça uma imersão nessa loucura, nesse desgaste, nessa dor, nessa onda forte. Depois você vai olhar para trás e perceber que sobreviveu, saiu mais forte, é valente, corajoso, tem fibra, garra e é capaz de superar qualquer dificuldade.
Nada é tão difícil quanto se apresenta num primeiro momento. E tudo, tudo tem um jeito. Mas entenda: nem sempre é o seu jeito. A gente vai se adaptando ao que a vida nos apresenta. Só que a escolha sempre será minha, sua ou nossa. Isso ninguém nos tira." — Clarissa Corrêa.
"A saudade é um buraco dolorido na alma. A presença de uma ausência. A gente sabe que alguma coisa está faltando. Um pedaço nos foi arrancado. Tudo fica ruim. A saudade fica uma aura que nos rodeia. Por onde quer que a gente vá, ela vai também. Tudo nos faz lembrar a pessoa querida. Tudo que é bonito fica triste, pois o bonito sem a pessoa amada é sempre triste. Aí, então, a gente aprende o que significa amar: esse desejo pelo reencontro que trará a alegria de volta. A saudade se parece muito com a fome. A fome também é um vazio. O corpo sabe que alguma coisa está faltando. A fome é saudade do corpo. A saudade é a fome da alma." — Rubem Alves.
"Viver é simples. Deve ser isso que nos assusta tanto. Muitas vezes fico olhando para o nada, perdida em questionamentos, vivências, flashes do futuro. Por que a gente sofre tanto? Por que a gente se cobra tanto? Por que nos enredamos em fios de temores, culpas e perdas? Viver é simples, insisto. Basta um dia de sol, uma boa música, um gole do vinho preferido, o calor do abraço de uma pessoa que te ama, acordar todo dia de manhã e ver que a vida continua lá fora te esperando." — Clarissa Corrêa.
"Deus, sou grata a Ti por tudo que tens feito em nossa vida. Tu És Maravilhoso, um Pai bondoso, amoroso e Fiel. Amo Você!" — Maria.

Bem que a gente podia tentar fazer um exercício. Não demora muito, pode ficar sossegado, peço que me acompanhe só por um momento. E se depois não sentir mais vontade é só deixar pra lá, pra depois, pra amanhã, pra um outro dia qualquer. 
Vamos tentar, por alguns segundos, pensar só no que a vida nos trouxe de bom. Pessoas. Amigos. Amores. Família. Trabalho. Um lar. Sonhos aos montes. Saúde. Vamos tentar, por pequenos momentos, deixar toda a raiva de lado. Jogar a mágoa no ralo. Colocar os sofrimentos embaixo do tapete. Deixar toda e qualquer negatividade ir embora pelas frestas das janelas do quarto. Vamos tentar, pelo menos por agora, ser mais leves, mais puros, mais bem intencionados, mais conectados com a nossa essência que é, sim, muito bonita. 
Eu sei que a vida vai nos deixando um pouco duros, desacreditados, desumanos, fechados, pouco polidos e extremamente cansados. Sei que esquecemos as pequenas gentilezas e delicadezas. Também sei que sempre dá pra voltar atrás, basta enxergar onde está o erro, ter força de vontade e persistência e querer, de fato, modificar alguma coisa.
Vejo pessoas pedindo mais respeito. Mas como vamos pedir o que não damos? Como vou exigir algo que não consigo oferecer? Como viver em um mundo mais justo se atiro a primeira pedra e tento pagar tudo na mesma moeda? Se você quer mudar o sistema, o mundo ou as coisas é preciso que faça a sua parte. Sem dizer que ela nada vale, sem pensar que “todo mundo faz errado, não preciso fazer certo”. O que importa no final das contas é se você faz ou tenta fazer o correto.
Por Clarissa Corrêa.

"Você pode dizer adeus a sua família e a seus amigos e afastar-se milhas e milhas e, ao mesmo tempo, carregá-los em seu coração, em sua mente, em seu estômago, pois você não apenas vive no mundo, mas o mundo vive em você." — A Cabana.   (via revivenciador)
me-libertou:

Obrigado Deus! sz
so-nacionais:

Teatro Dos Vampiros  - Legião Urbana

Instagram [x]
Facebook [x]
Twitter [x] 
"Amar não é só beijar e abraçar. É saber parar uma briga porque sabe que não vale a pena. É saber que nem sempre estará tudo bem. E acima de tudo saber que um te amo fortalece a relação, mesmo depois de brigar. Pelo simples fato de não desistirem mesmo passando por momentos difíceis." — Charles Bukowski. (via recontador)